Lideranças na Comunicação Interna: uma questão de estratégia

A pesquisa Tendências para a Comunicação Interna, produzida pela SocialBase, em parceria com a Agência Ação Integrada, com mais de 200 empresas, indica que grandes organizações brasileiras apostam cada vez mais em lideranças para ter uma Comunicação Interna eficiente.

 

Em 51% dessas companhias, a atividade está ligada ao departamento de RH, o que mostra o caráter estratégico da atividade, já  que esta área também é ligada à questões de impacto direto nos resultados e na performance da empresa como cultura organizacional e turnover.

 

Dentre as grandes empresas respondentes, segundo a pesquisa, a Comunicação “face a face” ganhará relevância em 2017 e essa abordagem será intensificada na comunicação por gestor imediato (62%), alta liderança (59%) e colegas
multiplicadores (58%).

 

Entre os principais motivos que explicam a crescente conscientização da importância das lideranças para a comunicação, pode-se citar o aumento da circulação de informações. Neste sentido o contato direto com as equipes torna-se essencial para fortalecer o alcance e o engajamento dos colaboradores com a Comunicação.

 

Sugestão de leitura do blog:
[Blogpost] Como engajar equipes utilizando uma Rede Social Corporativa para a Comunicação Interna

 

Contemplar as lideranças no planejamento da Comunicação e envolvê-las no desdobrar das ações, são fatores essenciais para ter uma Comunicação eficiente. Principalmente em grandes organizações onde as demandas e os fluxos de informação são mais complexos devido ao número de colaboradores que os comunicados precisam alcançar.

 

Nesse sentido, toda a hierarquia de compõe o quadro das lideranças deve ser envolvido nos planos da Comunicação, como influenciadores e multiplicadores das informações oficiais, estando alinhados com a estratégia maior da empresa e reforçando o discurso orientados pela área  ou profissional responsável pela CI, para que haja coerência nas notícias que chegam aos colaboradores.

 

Leia mais:
[Infográfico] 101 dicas para uma Comunicação Interna eficiente
Média liderança: por que a comunicação com este público é importante ?

Lideranças ligadas à tecnologia

A pesquisa também mostra que a tecnologia está intimamente aliada ao sucesso da Comunicação Interna – e que as lideranças precisam acompanhar este movimento.

Considerada como um canal de Comunicação com os colaboradores, as lideranças devem acompanhar os demais canais que disseminam informações na empresa. E, ainda segundo a pesquisa, mais do que incentivar os colaboradores a utilizá-los, líderes devem participar ativamente na adoção de novas ferramentas e no fomento das ações de Comunicação.

 

Sugestão do blog:
[Blogpost] Redes Sociais Corporativas e a Comunicação Corporativa

 

A forte aposta na Comunicação das Lideranças também se traduz financeiramente. O relatório da pesquisa realizada mostrou que treinamentos para que os gestores possam se comunicar melhor com suas equipes, seria o principal foco de investimento do orçamento da CI das empresas (26%), seguindo a tendência de fortalecer o face a face.

 

Ao mesmo tempo, investir em novos canais e em tecnologia também seria uma crescente em 2017 – e deve se manter em 2018. Nas grandes empresas, os investimentos serão ampliados principalmente para canais digitais (50%)  e estas empresas (48%) pretendiam investir entre R$ 50 mil e mais de R$ 100 mil no ano.

Gratis
Materiais Educativos sobre comunicação interna
Pesquisa: Tendências da Comunicação Interna
Neste relatório você irá encontrar a percepções de profissionais e empresas, delineando a realidade e algumas tendências da comunicação interna