Início » Geral » Indicadores, métricas e estatísticas com a Rede Social Corporativa SocialBase
Geral

Indicadores, métricas e estatísticas com a Rede Social Corporativa SocialBase

A Comunicação Interna dentro das empresas enfrenta o grande dilema da falta de métricas e tem dificuldade na mensuração dos seus resultados. O senso comum faz as pessoas acreditarem que os resultados são sempre muito subjetivos quando dizem respeito à satisfação, engajamento, e clima organizacional, sendo difíceis de medir.

Isso faz com que apenas 40% dos profissionais da área tenham seus indicadores, sendo que, apenas 16% destes estão satisfeitos com a capacidade de mensuração, segundo a Associação Internacional de Comunicação Corporativa (IABC), mas esse cenário pode mudar na sua empresa se ela implementar indicadores, métricas e estatísticas com SocialBase.

Mensuração: caminho para posicionamento estratégico.

A mensuração de resultados é um caminho para melhorar o posicionamento estratégico de áreas como Comunicação Interna e Recursos Humanos, pois ao apresentar os resultados, sempre alinhados com os objetivos e visão da empresa, fica mais fácil de atribuir a área sua verdadeira importância, deixando de ser vista apenas como custo para a organização, passando a ser reconhecida como uma área que gera algum valor – muito importante, por sinal!

Essa mudança aconteceu há pouco tempo, com o Marketing Digital – área que trabalha com o mesmo insumo da Comunicação Interna: a informação, só que para o público externo da organização – mostrando que não apenas gasta, mas entrega muito valor, sendo essencial no processo de vendas.

A revista Cultura Colaborativa do mês de agosto apresentou em sua matéria de capa “Como provar a importância da Comunicação Interna”, vários pontos para melhorar a CI, entre eles, os indicadores de qualidade. Além disso, ela também abordou como a comunicação interna pode seguir o caminho do marketing se digitalizando e fortalecendo dentro da organização. Confira a revista na íntegra aqui!

Melhoria nas Estatísticas do SocialBase

A verdade é que os dados se tornaram informações imprescindíveis para tomada de decisões assertivas nos dias de hoje, e pensando nesta realidade, a SocialBase realizou uma melhoria na área de estatísticas da ferramenta. 

Agora, para cada cliente, é entregue um relatório mensal padrão, que conta com diversas análises sobre o uso do produto, possibilitando ações estratégicas personalizadas para usuários específicos, grupos, ou para a rede como um todo.

Esses relatórios são entregues em planilhas, sempre por um profissional da área de CS através de uma reunião onde são fornecidos insights sobre o uso da plataforma do mês em questão, além de sugestões de uso e a análise da evolução de uso no tempo.

O relatório começa com uma fotografia geral da rede, onde é possível analisar: número das interações que compõem o conceito adotado para engajamento (publicações em grupos, compartilhamentos, comentários e curtidas); usuários separados por tipo (cadastrados, habilitados, desabilitados, ativos, alcançados e engajados) e; geral de métricas por grupos.

Essa fotografia dá uma ideia geral de como a rede performou durante o mês, acaba sendo uma introdução ao relatório em si.

Ganhe visibilidade do engajamento na sua empresa

Avançando no relatório, é possível verificar gráficos que mostram a evolução das quantidades de ações como acessos, alcance, comentários, compartilhamentos, publicações em grupos, comunicados, curtidas, visualizações e engajamentos no mês.

Isso demonstra a evolução das métricas no mês e permite identificar os resultados de possíveis ações que foram realizadas.

Mais a frente tem-se duas análises interessantes:

  • frequência e volume de acessos e;
  • lista de usuários que não acessaram no mês.

Com a análise de frequência/volume de acessos é possível ter uma visão geral da rede sobre a data de último acesso e quantos acessos os usuários possuem.

Dessa forma podemos agrupar os usuários em faixas de amostra, transformando esses dados em gráficos, o que torna mais visual. Essa análise serve principalmente para verificar e diagnosticar o mínimo uso do produto, que está no acesso à rede.

Já com a lista de usuários que não acessaram no mês, é possível realizar campanhas de e-mail marketing para o resgate desses usuários, trazendo-os de volta à rede.

Exemplo de gráfico de frequência de acessos

 

Outra análise trazida pelo relatório é o que chamamos de horário nobre. Essa informação demonstra quais são os horários onde algumas interações mais ocorreram no mês. Essa análise entrega como principal insight os melhores horários para se publicar conteúdos na rede, alcançando mais pessoas e espalhando melhor a informação contida na publicação

Exemplo de gráfico e volume

Por fim, o relatório padrão contém análises em formato de rankings de usuários e grupos, como:

  • comentários;
  • compartilhamentos;
  • curtidas;
  • acessos;
  • publicações em grupos;
  • visualizações e;
  • engajamentos.

Dessa forma é possível identificar os usuários que mais utilizam o produto e os grupos mais movimentados.

Ranking de grupos
Ranking de usuários

Além das análises contidas no relatório padrão, existem outras possibilidades de cruzamento feitas sob demanda, como:

  • análise de influência (rankeia os usuários mais influentes dentro da rede);
  • raio-x das áreas (análise geral de todas as métricas por área onde os usuários atuam na empresa);
  • análise de conectividade (demonstra como as áreas da empresa interagem entre si dentro da rede).
Análise de conectividade

Apesar de já termos relatórios sólidos com dados robustos, estamos sempre buscando a melhoria contínua, com isso,  nosso próximo objetivo é a produtização destes relatórios, buscando a automatização na geração dos dados e a entrega de mais inteligência através de machine learning.

Gostou da novidade? Se você utiliza o SocialBase entre em contato com o seu Customer Success e saiba mais sobre nossos relatórios personalizados. Se ainda não, solicite uma demonstração abaixo 🙂

Quero fazer um teste grátis!
Faça um teste gratuito do SocialBase e dê o próximo passo para uma Comunicação Interna mais eficiente!

 


Texto escrito por Thais Moura em colaboração com Bruno Luiz da Paciência e Cândice Carvalho Rocha, do time de CS da SB.

/* ]]> */